Glúten e lactose fazem mal?

Antes de cair na tentação dos modismos, descubra a verdade

A mídia atua de tal forma que sempre teremos algum alimento com o posto de “vilão” da saúde. Já aconteceu com a carne vermelha e, inclusive, com os ovos inocentes. Embora o glúten e a lactose sempre tenham sido parte de nossa alimentação, basta alguma figura famosa dizer que perdeu 10kg por causa da retirada de algum desses nutrientes da dieta que, no dia seguinte, ninguém estará consumindo nenhum deles.

Como nós do Dieta e Saúde temos um compromisso com a verdade, vamos te mostrar a realidade sobre esses nutrientes. E se você quer se tornar um expert em alimentação saudável e emagrecer sem deixar de comer o que gosta, assine aqui o Dieta e Saúde!

O que é glúten?

O glúten é uma proteína de tamanho grande formada por duas proteínas menores chamadas gliadina e glutenina. O glúten está presente principalmente em cereais como trigo, cevada e centeio, incluindo todos os produtos feitos com eles. Por isso pães, biscoitos, macarrão, entre outros produtos apresentam o termo ?contém glúten? no rótulo. A aveia é naturalmente um cereal sem glúten, porém, grande parte da aveia encontrada hoje apresenta o nutriente, porque, em alguma fase do processamento (desde o plantio, colheita, transporte e moagem), entra em contato com cereais que contêm glúten.

O que é lactose?

Presente em leites e derivados como iogurtes, bebidas lácteas e queijos, a lactose é um tipo de carboidrato formado por uma molécula de glicose e outra de galactose.

Glúten engorda?

O glúten está presente em diversos alimentos ricos em carboidratos e com alto índice glicêmico (que elevam a taxa de açúcar no sangue), portanto, ao consumir esses alimentos em excesso, o risco de ganhar peso e desenvolver diabetes é maior, mas não pelo glúten em si, e sim pelo excesso de carboidrato.

Logo, se o objetivo é emagrecer, não adianta eliminar o glúten da alimentação e continuar consumindo grandes quantidades de arroz, batata, farinha de mandioca, entre outros.

A restrição do glúten faz, sim, emagrecer, não pela ausência, mas pela redução do consumo de calorias. Afinal, certamente será preciso investir em frutas, legumes e verduras ao retirar as fontes de glúten. Há algumas pessoas que comprovadamente precisam excluir o glúten da rotina. São aquelas que sofrem de doença celíaca, uma condição que afeta 1 em cada 200 pessoas no mundo, segundo a Organização Mundial de Gastroenterologia.

Quando alguém com doença celíaca consome glúten, seu sistema imunológico reconhece a proteína como um inimigo e reage contra ela. Esse ataque danifica o intestino delgado, prejudicando a absorção de nutrientes, e gera sintomas como fortes cólicas, vômitos, diarreia e até irritação na pele.

Existem ainda algumas pessoas que não sofrem de doença celíaca, mas que têm intolerância ao glúten. Nesses casos, ao consumir a proteína, é comum sentir diarreia, cólicas e gases. A intolerância pode aparecer em qualquer um e em qualquer fase da vida, mas ainda não está claro o motivo pelo qual isso acontece.

Devo parar de consumir lactose?

O fato é que ainda não há um consenso em relação à retirada da lactose por toda a população, visto que não há evidências científicas suficientes que sustentem a relação da lactose com o ganho de peso ou obesidade. A recomendação é que apenas portadores de intolerância à lactose e alergia à proteína do leite retirem os lácteos da alimentação.
A intolerância à lactose é uma condição na qual existe uma deficiência de lactase, uma enzima cuja função é quebrar as moléculas de lactose. A intolerância ocorre quando o intestino deixa de produzir a quantidade necessária de lactase, comprometendo a digestão da lactose.

Durante a infância, a base da alimentação é o leite, por isso o corpo nessa fase produz grandes quantidades de lactase. Com o envelhecimento, outros alimentos passam a fazer parte das refeições, e o leite deixa de ser o principal alimento. Com isso, o corpo tende a reduzir a quantidade de lactase produzida e, em algumas pessoas essa quantidade pode ser ainda menor, surgindo aí a intolerância à lactose no adulto. Porém, não é uma regra.
A maioria das pessoas passa a vida toda consumindo produtos lácteos e não desenvolve a intolerância. Outras condições como a doença celíaca, gastroenterite e a doença de Crohn podem também ocasionar o problema de intolerância à lactose.

Como deu para perceber, antes de sair por aí cortando todos os alimentos com glúten e lactose das refeições, é importante ter um diagnóstico médico e estar muito bem orientado por um nutricionista sobre as adaptações e substituições alimentares necessárias.
Por exemplo, algumas pessoas toleram pequenas porções de derivados do leite ao dia, então, é preciso apenas moderar o consumo. Outras podem consumir os lácteos normalmente a partir da suplementação da lactase.

A retirada total de um nutriente ou grupo alimentar deve ser avaliada por um profissional, caso a caso, já que restrições são os principais responsáveis por carências de nutrientes. E, claro, é sempre bom lembrar que o equilíbrio no consumo alimentar aliado a um estilo de vida saudável, ainda é a melhor receita para o emagrecimento saudável e definitivo.

Saiba mais:

7 hábitos alimentares dos japoneses que todos nós deveríamos seguir

Sedentarismo deixa mulheres 8 anos mais velhas

Como economizar nas compras do supermercado

10 ideias sobre “Glúten e lactose fazem mal?

  1. Rita

    Muito obrigada por tantas informações necessárias para nosso dia a dia. estou muito feliz por esta fazendo parte desse grupo Dieta e saúde

    Responder
  2. Solange Biazi

    Adorei saber mais sobre,assuntos sobre lactose e glúten tem algumas coisas que a gente não sabe. Eu tenho problemas de lactose, é difícil de se alimentar tem que estar sempre controlado.

    Responder
  3. m aria Ocilene da costa lima

    Amei esse assunto ,tirei algumas dúvidas sobre os produtos,porq minha filha vem sofrendo com alguns sintomas parecidos,;diarréia, vômito, gases e alergia na pele,a médica mim falou q provavelmente isso é causa de algum alimento, então estou observando melhor,afinal ela adora leites e biscoitos.muito obrigada

    Responder
  4. Maria da Penha

    Achei de gde valia as explicações a respeito do glúten e lactose, os quais não são bem aceitos pelo meu organismo. A lactose tenho intolerância comprovada, mas o glúten me faz mal tbm…..Procuro me policiar p diversificar minha alimentação, sem sofrer consequências. Gostei do artigo supracitado e parabenizo pelo esclarecimento!

    Responder
    1. Netty

      Eu tenho intolerância a lactose e ao glúten tbm, só consumir fico com muita flatulência, desconforto abdominal, inflama o intestino. O glúten causa urticária, fico toda impolada.

      Responder
  5. Ana Amadei

    Muito obrigada por nos ajudar com informaçoes importantes,eu cortei tudo gluten e lactose,com isso fiquei fraca,cabelos caiu e unhas quebradas,bom saber q posso comer com moderaçao.Sucesso a todos!!!

    Responder
  6. Luciane Santana Falconere Santos

    Muito importante essas informações, não preciso deixar de comer e sim moderar na quantidade.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *